sábado, 1 de junho de 2013

Zero MMX – Desenvolvida exclusivimente para o exército americano

A Zero Motorcycles, empresa americana especializada em motos elétricas, revelou a nova MMX, modelo destinado para o exército dos Estados Unidos. Segundo a fabricante, a MMX foi desenvolvida exclusivamente para as forças armadas norte-americanas e será utilizada pelas forças de operações especiais. As vantagens da propulsão elétrica são o baixo nível de ruído e a tração mais rápida que a de tradicionais motores à combustão, informou marca.

 “Foi uma experiência gratificante para o time da Zero passar por um processo de desenvolvimento tão excitante. Os militares precisavam de um conjunto muito específico de características essenciais na MMX, e estamos muito agradecidos de ter trabalhado ao lado deles para entregar este produto único”, disse Abe Askenazi, chefe de tecnologia da Zero Motorcycles.

 O lançamento oficial da MMX, que possui características off-road, ocorreu nesta terça-feira (7) e o número de unidades será mantido em sigilo. Para a concepção, foi utilizada como base a Zero MX, mas importantes alterações foram feitas para melhorar sua atuação em combates. Seu motor possui 55 cavalos de potência e 9,40 kgfm de torque, comunicou a empresa californiana, que se declara a principal fabricante de motos elétricas do mundo.
   Entre as novidades, estão o painel, que foi simplificado, e a ignição – para ligar a moto não é necessário chave, aumentando a rapidez. De acordo com a Zero, a possibilidade de andar na água foi melhorada e é possível rodar com cerca de 1 metro de submersão. Para aumentar sua camuflagem, o sistema luminoso pode ser totalmente desligado. 

Askenzi declarou que, apesar de a MMX não estar à venda para pessoas comuns, implementos utilizados na MMX também serão adicionados aos modelos MX, FX e XU, disponíveis nas lojas da Zero nos Estados Unidos.

 Velocidade de 137 km/h 

Segundo a Zero, o modelo MMX pode chegar a 137 km/h de velocidade máxima, com duração prevista da bateria de 20 a 140 minutos. A variação ocorre pelos dois tipos de baterias disponíveis e também de acordo com modo de pilotagem, mais agressivo ou brando. Já para carregar a carga completamente são necessários de 2,7 horas a 4,9 horas. Sua transmissão é feita por corrente e seu peso é de 106 kg e 125 kg, dependendo da versão.