terça-feira, 8 de novembro de 2011

Velas, melhor prevenir do que remediar


Já cansamos de falar por aqui que a manutenção periódica das motos é algo fundamental para evitar acidentes e prejuízos ao bolso do motociclista. Hoje a dica vai para ajudar a estar em dia com um importante componente: a vela.

As condições da vela devem ser verificadas a cada três mil quilômetros, ou de acordo com as instruções do manual do fabricante. A forma de condução e procedência do combustível são dois itens que podem mudar bastante a durabilidade da peça.

Quando o equipamento está no fim de sua vida útil, a moto pode apresentar problemas na partida, no rendimento do motor, na correta emissão de poluentes e no consumo de combustível.

Vale ressaltar que a manutenção preventiva tem um custo bem menor do que uma possível substituição de componentes avariados por conta do desgaste excessivo das velas de ignição