domingo, 30 de outubro de 2011

Por que ser motociclista estradeiro?



- Para poder sentir inebriante liberdade no corpo, na alma, na mente.

- Nas estradas, para ele não existe fronteiras nem destino prévio porque, embora possa haver um roteiro e meta estabelecida, tudo é mutável. Seu destino é não ter destino;

- Na estrada inexiste sol, calor, chuva ou frio, porque está habituado aos fenômenos naturais. Há, sim, incomparável e bela natureza detentora de desafiadoras fronteiras a serem vencidas;

- Estradas boas ou ruins deconhece-as, inclusive obstáculos, porque a tudo supera com perseverança e bravura;

- Por estar com toda natureza à sua volta, para dela desfrutar e até tocá-la na sua essência nem de cima da moto precisa sair. E de tanto isto fazer, considera-se parte dessa natureza;

- Em qualquer lugar que chegue no transcurso da sua jornada é visto com respeito e admiração por ser reconhecido como uma classe aventureira, diferente, sonhadora e até mística, pelo fato de haver muitas histórias fantásticas sobre eles;

- Mediante sua índole calma, educada e respeitosa, conversa com todos em qualquer lugar que esteja. Dessa forma descobre detalhes da vida e costumes de cada local ou região visitada, tendo por isso enorme acervo de mitos e histórias interessantes para contar;

- Extasia-se com vistas restritas e inimagináveis pelo fato de poder, em qualquer momento ou lugar, entrar em trilhas ou caminhos somente usados por animais ou pedestres e dessa forma descobrir maravilhosos recantos encobertos. Locais estes que somente são vistos por uns poucos privilegiados: os motociclistas estradeiros;

- Nas estradas, mesmo nas mais movimentadas, goza do privilégio de poder parar ou dela sair sempre que visualizar algo digno de apreciação, ou até mesmo auxiliar alguém que esteja em dificuldade;

- É o experiente viajante que aprendeu a conviver com o que de mais natural e rudimentar existe neste nosso planeta. Experiência que o faz ser, além de otimista, eternamente criativo. Razão da sua capacidade para enfrentar e superar dificuldades;

- E graças a essa vasta experiência adquirida nas estradas e pelos locais onde passou e visitou, traz guardado consigo enorme bagagem de conhecimentos;

- Enfim, motociclista estradeiro é o amálgama desta forma simples e proveitosa de viver. Uma verdadeira filosofia de vida.