segunda-feira, 3 de outubro de 2011

CURVAS DA VIDA

Você já se perguntou por que a estrada tem curvas?
Por que é que todas as estradas não são retas?
Por que é que as ruas da cidade sobem, descem, e dobram esquinas?
As curvas da estrada nos dão a oportunidade de ir vendo um pouquinho de
cada vez.

À medida que vamos avançando, ganhando terreno, um pouco mais nos é
revelado.
É assim que a vida funciona.
Ela vai lhe dando aquilo com que você consegue lidar em pequenas doses,
mesmo quando você acha que agüentaria mais.
Isso é o que chamamos de graça de Deus.

Onde quer que você se encontre, é exatamente onde precisa estar.
Mesmo quando você queria estar em outro lugar, em circunstâncias diferentes,
a vida sabe que você provavelmente não conseguiria lidar com a outra
situação.

Quando você estiver preparada para fazer uma coisa nova, de uma maneira
nova, você fará, com pessoas novas.
Há gente à espera da pessoa na qual você está se transformando.
É provável que você ainda não esteja pronto para conhecê-las.
A cada momento específico, cada um de nós está passando pelo processo de ser
e de se tornar.
Estamos aprendendo o máximo que podemos.
A estrada tem curvas e estamos sendo preparados para lidar com o que nos
aguarda a cada curva.